Zaady

Tinder adiciona orientação sexual como opção no perfil do app

O aplicativo de relacionamento Tinder agora permite que os usuários adicionem a sua orientação sexual ao perfil, além de fornecer uma opção para que o algoritmo dê prioridade a pessoas com a mesma orientação. A grande novidade foi criada em parceria com a GLAAD (em português, Aliança de Gays e Lésbicas contra a Difamação), organização dos Estados Unidos que monitora toda a representatividade de pessoas LGBT nos meios de comunicação.

Para adicionar essa informação, basta editar o seu perfil e procurar pelo campo “Orientação”. Nove opções estarão disponíveis inicialmente: heterossexual, gay, lésbica, bissexual, assexual, demissexual, pansexual, queer e ‘questioning’. É possível ainda escolher até três termos diferentes e decidir se eles irão aparecer ou não para as outras pessoas, além de somar isso à opção de dizer se você é transgênero.

Por Redação