Zaady

Instagram começa a marcar fotos editadas como se fossem fake news

Uma decisão inédita tomada pelo Instagram começou a preocupar a comunidade de fotógrafos, designers e celebridades da web. Aparentemente, sistemas de checagem de fatos da rede social passaram a marcar qualquer alteração realizada em uma imagem como ‘informação falsa’.

O fotógrafo Toby Harriman foi a pessoa que descobriu a novidade ao se deparar com o aviso de conteúdo falso em seu feed. Ele clicou para ver qual era a publicação denunciada pelos parceiros do Instagram e se deparou com uma imagem que mostra montanhas coloridas. O fact-checker, que é um ser humano e não um algoritmo, até indicou qual é a foto original na checagem da imagem.

Esse sistema é parte de um esforço da rede social em combater notícias falsas e montagens de cunho político como aconteceu em anos recentes.

Em nota ao site The Next Web, o Instagram revelou que a empresa usa tecnologias de busca e pareamento de imagens para “ajudar a controlar a desinformação”. Neste caso das montanhas, portanto, o algoritmo flagrou a semelhança com a imagem original e marcou a publicação para ser analisada por um ser humano, que deu o veredito de que esse conteúdo era falso e gerou a mensagem no post.

Por redação