Zaady

Facebook rastreia usuários mesmo com localização desativada

O Facebook admitiu monitorar a localização de seus usuários mesmo que o sistema de localização esteja totalmente desativado. A informação foi revelada pela rede social por meio de uma carta enviada aos senadores americanos Chris Coons e Josh Hawley no último dia 12 de dezembro.

No documento, obtido pelo jornal The Hill e publicado no Twitter nessa terça-feira, 17, a rede social informa que o monitoramento da localização dos usuários é necessário por causa da segmentação de anúncios e também para fortalecer o combate à divulgação de fake news.

Ainda segundo a companhia de Mark Zuckeberg, todos os anúncios no Facebook são segmentados com base na localização, apesar de alguns deles serem direcionados a pessoas dentro de uma mesma cidade ou alguma região maior. Se isso não acontecesse, usuários da plataforma em Washington receberiam publicidade de Londres e vice-versa, explica a empresa na carta.

Por redação