Zaady

Lady Gaga defende direitos de pessoas transgênero após ameaça do Governo de Trump

O presidente americano Donald Trump está estudando dar um passo retrógrado a respeito dos Direitos das pessoas transgênero no país, causando uma mobilização do meio artístico contrário a sua atitude. Já existe um estudo sendo feito “para definir gênero como uma condição biológica e imutável determinada pela genitália no momento do nascimento”, como explica a revista Folha de São Paulo em edição recente. Isso tem sido visto como um tremendo retrocesso, uma vez que durante o governo de Barack Obama esses direitos foram garantidos e abrangidos.

Sabendo da gravidade da situação, a cantora Lady Gaga fez um desabafo em seu perfil oficial no Twitter. “O governo pode estar vivendo em um universo alternativo, mas nós, como sociedade e cultura, sabemos quem somos e conhecemos a nossa verdade e devemos nos unir e levantar nossas vozes para que possamos educá-los sobre as identidades de gênero”, escreveu.

Por André Zaady