Zaady

Justiça obriga Mister Jam a manter uma distância mínima de 300 m de Francinne

Após registrar um boletim de ocorrência contra Fábio Almeida, seu ex-companheiro e conhecido como Mister Jam, por violência doméstica, ameaça, estupro de vulnerável, injúria e lesão corporal, a cantora Francinne conseguiu, na última segunda-feira, 19, uma medida protetiva contra o produtor.

Segundo informações divulgadas pelo site Metrópoles, Jam deve permanecer, no mínimo, a 300 metros de distância da cantora e de seus familiares. Fábio sequer poderá manter contato por telefone ou celular com a ex-companheira. Se Fábio infringir essas ordens, será detido.

“Quando eu fiz o B.O., não estava com todas as provas. Estava nervosa e nem pensava direito. Depois que juntei tudo, levei e ganhei a medida. Agora me sinto mais segura, porque a Justiça está do meu lado. Mas, apesar de ter a medida em mãos, sinto um pouco de medo, sim. Sinto medo porque ele ainda não parou. Quero viver a minha vida em paz! Quero as minhas músicas, o que é meu para viver e trabalhar em paz”, desabafou Francinne.

Em entrevista ao mesmo site, Mister Jam disse: “Estou no Rio de Janeiro amparado pela família e por verdadeiros amigos. Não tenho interesse nenhum em ver, encontrar ou falar com alguém que me usou da pior forma possível para conseguir notoriedade. Estas medidas foram obtidas com base em informações inverídicas e fora de contexto e serão rebatidas judicialmente essa semana”.

Por redação

Siga o Portal Zaady nas redes sociais:

Instagram

Facebook 

You Tube