Zaady

Jornalista Xênia Bier morre aos 84 anos

Pioneira do feminismo na Televisão brasileira, a jornalista Xênia Bier morreu nesta segunda-feira, 24, aos 84 anos, devido a complicações causadas pelo mal de Alzheimer. Ela estava internada há alguns dias em uma clínica em São Paulo e sofreu queda na pressão pulmonar por conta da evolução da doença. Não há informações sobre o velório.

Nascida em São Paulo, em 1935, Xênia, cujo nome real é Vilma Barreto, era atriz, jornalista e foi uma importante apresentadora de TV. Ela teve passagens em várias emissoras e é considerada a primeira feminista assumida da TV no Brasil; destacou-se por debater temas polêmicos e derrubar tabus na frente das câmeras.

Seu primeiro trabalho foi na TV Cultura, na qual apresentou o ‘Light Convida’ nos anos 1950. Depois, tentou a carreira de atriz e atuou na década de 1960 nas novelas.

POR REDAÇÃO

Siga o Portal Zaady nas redes sociais:

INSTAGRAM

FACEBOOK 

YOU TUBE