Zaady

Estátua de Michael Jackson é removida de museu britânico após denúncias de abuso sexual

Uma estátua do cantor Michael Jackson foi removida do Museu Nacional do Futebol, em Manchester, na Inglaterra, após as novas denúncias de abuso sexual contra o rei do pop, informa a rede BBC.

No documentário de quatro horas “Leaving Neverland”, Wade Robson e James Safechuck acusam o artista de abusar sexualmente deles ao longo de vários anos, quando os dois ainda eram crianças. A primeira parte do filme foi ao ar no Reino Unido nesta quarta-feira, 6.

A família de Michael chegou a negar as acusações e disse que o documentário está produzindo um “linchamento público”. O espólio do músico processou a HBO, uma das responsáveis pelo longa.

O monumento de gesso e resina era exibido no Museu do Futebol desde o ano de 2014 e foi retirado nesta semana.

“O Museu Nacional do Futebol fez uma série de mudanças em suas exposições e nos objetos expostos nos últimos meses. Como parte de nossos planos para representar melhor as histórias que queremos contar, tomamos a decisão de remover a estátua de Michael Jackson da exibição”, disse um assessor da instituição, em comunicado.

Por André Zaady