Zaady

Em carta, jornalistas do SBT pedem a demissão do apresentador Marcão do Povo

Na última sexta-feira, 10, um grupo de jornalistas do SBT enviou uma carta à emissora, repudiando as declarações do apresentador Marcão do Povo sobre pessoas contaminadas com o Covid-19 e pedindo também a sua demissão. Marcão é ancora do programa Primeiro Impacto e foi afastado por 15 dias da casa após sugerir que os doentes fossem confinados em “campos de concentração”.

Segundo o portal Uol, os jornalistas acusaram Marcão de não seguir as recomendações de higiene recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e determinadas para a redação da emissora, colocando em risco a vida de todos ali. A carta diz ainda que o apresentador emitiu uma opinião “inadmissível, que não condiz com a história do SBT”, e que ele não estaria à altura da contratação.

Dias antes de sua suspensão, Marcão do Povo teria feito pouco caso das recomendações de higiene instituídas na redação do SBT em São Paulo, informando que só deve satisfação “para Deus e para o Silvio Santos”. Boa parte dos profissionais do jornalismo assinou a carta: uma das exceções seria Dudu Camargo, que também apresenta o Primeiro Impacto. A demissão de Marcão está, segundo o portal, nas mãos do dono da emissora.

Por redação