Zaady

‘Roma’ pode coroar o México pela quinta vez no Oscar 2019

O prêmio de melhor direção no Oscar já foi para o México por diversas vezes desde que Alejandro González-Iñárritu, Guillermo del Toro e Alfonso Cuarón passaram a ser figurinhas carimbadas na competitiva categoria.

Os amigos cineastas levaram as estatuetas na categoria de melhor direção em quatro edições dos últimos cinco anos. Os triunfos começaram em 2014 quando Cuarón foi premiado com a obra Gravidade, que na teoria é um longa-metragem mais americano que latino.

Nos aos de 2015 e 2016 Iñárritu foi coroado por Birdman – A Inesperada Virtude da Ignorância e O Regresso, película que deu a Leonardo DiCaprio o prêmio de melhor ator. Antes disso o diretor já havia chamado a atenção com Filhos da Esperança, de 2006, que chegou a concorrer a três prêmios nas categorias de melhor fotografia, roteiro adaptado e edição.

Já Del Toro levou na última edição com A Forma da Água na categoria melhor filme estrangeiro, onde recebeu inúmeros elogios.

Neste ano, Alfonso Cuarón está de volta com o longa que conta parte da sua história, Roma, lançado pela Netflix. Classificado como gênero dramático, o longa foi escrito e dirigido pelo próprio Cuarón, que também o produziu, co-editou e cinematografou. A obra é estrelada por Yalitza Aparicio, Marina de Tavira, Marco Graf, Daniela Demesa, Enoc Leaño e Daniel Valtierra. Confira o trailer a baixo!

Por André Zaady